Depoimentos


Cinara Del Arco (Brasil):Buscadora / Caminhante / Mestra em Agroecologia e Desenvolvimento Rural

O primeiro significado da palavra xamã com o qual tive contato é “aquele/a que vê no escuro”. Levei algum tempo para compreender isso de fato e, foi bebendo gole a gole na fonte que é a XamAM que pude experimentar esse sentido tão mais delicadamente sutil do que a minha racionalidade podia alcançar. O escuro para, e em mim também foi ampliado, na medida que fui compreendendo que não era somente no exterior essa falta de claridade, que não dizia respeito apenas, por exemplo, a enxergar à noite, quando tudo parece mais desafiador e misterioso. Pude vivenciar como a XamAM, ao se dispor como esse canal tão refinado e harmônico de sua guiança, numa conexão tão límpida e amorosa com a Energia Divina, a Deusa Mãe, o Grande Mistério vai enxergando no escuro. No escuro de cada um/a, iluminando recônditos e nos convidando a olhar, com coragem e fé para aquilo que precisa ser iluminado, trazido das sombras! E só o amor e a devoção são capazes de promover essa revolução da Luz e em direção à Luz. Hey XamAM!!!! Amor e gratidão sempre!

Cinara Del Arco (Brasil)

Francesca Fois (Italia):PhD em Geografia Humana pela Universidade de Nottingham

Eu visitei Terra Mirim pela primeira vez em 2012. Eu estava fazendo minha pesquisa de doutorado em como comunidades espirituais internacionais são ordenadas e como esses espaços criam estilos de vida alternativos. Embora eu estivesse lá apenas para propósitos acadêmicos, Terra Mirim teve um impacto profundo na minha vida pessoal. Observando os residentes de Terra Mirim, escutando suas histórias, contribuindo nas atividades da comunidade e participando dos rituais xamânicos, eu aprendi coisas que eu não havia conseguido encontrar em nenhum livro. Essa experiência me ajudou profundamente a encontrar meu próprio caminho, dentro e fora da academia. Eu aprecio cada momento que passei lá e o aprendizado profundo que recebi. Eu não poderia ser mais grata aos residentes de Terra Mirim, por terem dividido comigo seus espaços, tempo e conhecimento.

Francesca Fois (Italia)

Chuan W (Brunei / Inglaterra):Contador

Esse caminho de mergulho profundo sob a guiança da XamAM através de rituais ancestrais sagrados tem ajudado a revelar profundezas da minha alma que eu não sabia existir. Meu coração tem recebido tanta cura dessa terra; eu estou sendo tecido de volta a plenitude através dessas lindas canções de cura da comunidade. É impossível receber tanto amor, nutrição e não florescer.

Chuan W (Brunei / Inglaterra)

Matthias Wessling (Alemanha):Terapeuta Corporal / Professor Universitário de Administração

Durante muitos anos eu não conseguia entender o que era o Xamanismo, até conhecer Alba Maria em 2006. O carisma dela me chamou e desde então eu venho aprendendo com ela. Alba fala comigo de forma muito mais honesta do que eu mesmo sou capaz - ela fala de forma clara o que deve ser falado, simplesmente porque é preciso honrar a verdade. Ela tem a missão dela, e ela escolhe conscientemente o caminho mais desconfortável; por isso, ela me convence. Através de experiências de intensa cura, eu consegui diluir bloqueios mentais, eu recebi cura profunda nas áreas feridas do meu corpo e na minha sexualidade, e me reconectei com a natureza, especialmente com o elemento Terra. A tradição ancestral da Deusa Mãe, consegue associar de maneira excepcional a sabedoria do Tantra e do Xamanismo.

Matthias Wessling (Alemanha)

Marcin Pawel (Polônia / Alemanha):Poeta / Engenheiro

Quando eu cheguei no Brasil eu não sabia quem eu era, me sentia sem raízes e sentia uma grande falta do divino e do sagrado na minha vida. Através do apoio da XamAM eu encontrei o caminho para uma vida dedicada a trabalhos de cura e poesia e por isso eu sou imensamente grato. As vezes durante os ritos, eu olho para ela e vejo como é velha a sua alma, quão antiga é a sua sabedoria. Além dos ensinamentos xamânicos que eu recebo, eu entendo cada vez mais a necessidade de servir ao mundo através dos meus talentos. Gratidão profunda! Hey XamAM!

Marcin Pawel (Polônia / Alemanha)

Maike Imhof ( Alemanha ):Filha da Mãe Terra/ Terapeuta Gestalt / Estudante de plantas medicinais / Estudante da Cabana da Purificação

Trabalhar com a XamAM é uma jornada em direção a mim mesma, onde eu chego cada vez mais perto do meu próprio universo. É uma forma de auto cura em profundo contato com a Mãe Terra, nossa mestra. Tudo mudou, dentro e fora, e continua mudando. Eu sinto a intensidade de cada momento, existe um lugar em mim repleto de silêncio. Agora a minha vida tem sentido. Quanto mais profundo eu mergulho, mais criativa e focada eu me torno. Os 4 elementos (fogo, água, terra, ar) me acompanham todo o tempo e me mostram o caminho. Trabalhar com os instrumentos xamânicos está constantemente mudando meu DNA. Velhas idéias e padrões estão desaparecendo, a cura de feridas profundas cria espaço para novas e positivas experiências. Este trabalho com a XamAM é uma bênção, agradeço todos os dias e celebro a minha vida: 'uma semente na Mãe Terra que cresce na sombra e na luz da Mãe Divina'. Profunda gratidão XamAM!

Maike Imhof ( Alemanha )